Coluna Italo

(44) 99941-8859
Anúncio - Mobile
Anúncio - banner mobile
Anúncio - Matriculas Abertas mobile
Anúncio - Banner Mobile
Anúncio - bairro saudavel mobile
Anúncio - AGOSTO
Discoteca Retrô
O Brasil vence o maior festival de música do mundo!
Publicado em 07/08/2018 às 13:28

Desde 1951 a Itália é palco de um evento de música que ultrapassa gerações e estilos. O Festival Internacional da Canção de Sanremo, o mais importante do continente europeu e um dos mais tradicionais do mundo, chegou a sua 68ª edição em fevereiro de 2018.

A nova geração desconhece que um artista brasileiro já foi o vencedor em Sanremo. E isso aconteceu numa época áurea da canção italiana, que dominava o mundo como trilha sonora de grandes filmes. E Sanremo era a Capital do Mundo, pois os grandes sucessos brotavam naquele palco. Ser o vitorioso naquele festival significava conquistar a glória internacional.

Em 1968, há exatamente 50 anos, o cantor Roberto Carlos – que no Brasil era saudado como o Rei da Jovem Guarda – foi o primeiro (e único até hoje) brasileiro a vencer em Sanremo com a música “Canzone Per Te”. E o detalhe mais importante é que tal conquista tratava-se de um fato inédito: era o primeiro estrangeiro a conquistar o 1º lugar nesse evento internacional!

O REI DE SAN REMO

Mas a recepção de Roberto Carlos no Brasil merece tanto destaque quanto a repercussão de sua vitória em toda a mídia internacional daquela época!

Era o dia 16 de fevereiro de 1968. O cenário: o Aeroporto Internacional de Congonhas, em São Paulo. Desde as cinco horas da manhã, o aeroporto começou a ser lotado por fãs, que estavam em estado de choque, esperando seu ídolo maior. Às nove da manhã, milhares de pessoas já ocupavam o local e vibravam a cada avião que chegava...

Faixas coloridas com o nome do Rei, fotos da vitória de San Remo e cópias da música “Canzone Per Te” eram vendidas aos montes. Os alto falantes anunciavam que Roberto Carlos desembarcaria ao meio dia.

E, pontualmente, o Caravelle da Cruzeiro despontou na cabeceira da pista. Como numa operação de guerra, quarenta soldados agrupados em círculo foram correndo em direção ao avião. Aos gritos, os fãs se lançavam contra as cordas de isolamento. Fotógrafos disputavam aos empurrões um melhor ângulo para fotografias. Com muita dificuldade, a escada foi colocada à porta do avião, que ainda permaneceu fechada por mais de dez minutos.

FORAM TANTAS EMOÇÕES!

Quando finalmente Roberto Carlos apareceu na porta do avião, uma legião de fotógrafos, cinegrafistas e radialistas se amontoou ao redor dele. Dezenas de microfones rodearam seu rosto. Surpreso com a fervorosa recepção, Roberto parecia não encontrar palavras: "Estou muito emocionado...". As fãs e o reportariado foram ao delírio!

Espremido por tanta gente, ele foi descendo a escadaria e rumou lentamente em direção ao carro do Corpo de Bombeiros, o mesmo que transportou os campeões da Copa do Mundo em 1962, mas foi mais ovacionado ainda. A gritaria era ensurdecedora! Muitas jovens desmaiavam e tropeçavam entre si desnorteadas diante de tanta emoção...

Temendo pela segurança do cantor, os policiais mudaram de idéia e o levaram até um Cadillac Presidencial que estava ao lado, que foi seguido por vários carros. De repente, acelerou em disparada se livrando da perseguição de fãs e imprensa.

Nem é preciso dizer que durante todo o dia o assunto foi manchete nas emissoras de rádio e televisão. E a notícia continuou se alastrando como rastro de pólvora durante os dias que se seguiram nas capas dos jornais e revistas de todo o Brasil!

A Manchete, que era a revista de maior circulação na época, estampou a matéria na capa com fotografias recheando todas as páginas da edição especial alusiva à vitória do Rei no maior festival do mundo. E mais, a revista se esgotou e Manchete teve que imprimir uma edição extra. Vendeu milhares de exemplares em todas as bancas do País! Hoje é relíquia entre os colecionadores e os admiradores de Roberto Carlos.

A partir da vitória no Festival Internacional da Canção de Sanremo, Roberto Carlos tornou-se ídolo internacional, tendo gravado em vários idiomas, tornando-se o cantor brasileiro mais conhecido no exterior. Até hoje ele percorre o mundo em turnês, se apresentando nos Estados Unidos, Europa e América Latina. (ITALO FÁBIO CASCIOLA)

WWW.COLUNAITALO.COM.BR

ESTE VÍDEO É UMA RELÍQUIA!

Curtam Roberto Carlos interpretando “Canzone Per Te” no palco do Festival Internacional da Canção de Sanremo, em 1968!

Sua vitória no grande festival italiano consagrou Roberto Carlos como um dos cantores brasileiros mais famosos do mundo!

Anúncio - Clarineis interno Anúncio - Banner Interno Anúncio - Interno
Comentários
Veja também