Coluna Italo

(44) 99941-8859
Anúncio - banner file mobile
Anúncio - banner mobile
Anúncio - Ecogarden mobile
Anúncio - NIVER 64 ANOS MOBILE
Anúncio - campanha nova mobile
Anúncio - banner rodape
Discoteca Retrô
Vamos relembrar o magnífico show-man Wilson Simonal
Publicado em 21/03/2018 às 09:07

No início da década de 1970, Wilson Simonal foi o artista/cantor mais popular do Brasil ao lado de Roberto Carlos.

Simonal era um completo show-man, ou seja, capaz de cantar como poucos, dançar, magnetizar o público, na TV ou em shows. Ele eletrizava as plateias para que cantassem com ele, tornando-se o regente de enormes corais lotando estádios e ginásios pelo País afora...

Tinha um carisma fora do comum. Foi comparado a Sammy Davis Jr., um dos grandes nomes do showbusiness nos Estados Unidos.

Durante sua carreira vendeu milhares de discos e colecionou sucessos, músicas lembradas até hoje pelos seus fãs eternos. Entre elas, indiscutivelmente, “Pais Tropical” marcou época, virou hino de Norte a Sul do Brasil. Nos shows, ele cantava a música duas, três vezes, a pedido das plateias.

De autoria de Jorge Benjor, a canção ficou ainda mais bonita e divertida porque Simonal teve a ideia de, em determinados pontos da cantoria, resumir as palavras, as suas primeiras silabas: ele cantava Pa-tro-pi, ao invés de País Tropical, por exemplo, e o público ia ao delírio cantando junto...

Vale relembrar o grande Simonal cantando “País Tropical”, acompanhando a letra e o vídeo.

www.colunaitalo.com.br

PAÍS TROPICAL

Moro...

Num país tropical,

Abençoado por Deus

E bonito por natureza (Mas que beleza!)

 

Em fevereiro (Em fevereiro)

Tem carnaval (Tem carnaval)

Eu tenho um fusca e um violão,

Sou Flamengo e tenho uma nêga chamada Tereza

 

"Sambaby", "Sambaby"

Sou um menino de mentalidade mediana (Pois é)

Mas assim mesmo, feliz da vida pois eu não devo nada a ninguém (Pois é)

Pois eu sou feliz, muito feliz comigo mesmo...

 

Moro...

Num país tropical,

Abençoado por Deus

E bonito por natureza (Mas que beleza!)

 

Em fevereiro (Em fevereiro)

Tem carnaval (Tem carnaval)

Eu tenho um fusca e um violão,

Sou Flamengo e tenho uma nêga chamada Tereza

 

"Sambaby", "Sambaby"

Eu posso não ser um Band Leader (Pois é)

Mas assim mesmo, lá em casa todos meus amigos, meus camaradinhas me respeitam (Pois é)

Essa é a razão da simpatia, do poder do algo mais e da alegria...

 

Moro...

Num país tropical,

Abençoado por Deus

E bonito por natureza (Mas que beleza!)

 

Em fevereiro (Em fevereiro)

Tem carnaval (Tem carnaval)

Eu tenho um fusca e um violão,

Sou Flamengo e tenho uma nêga chamada Tereza...

 

"Mor...

No patropi,

Abençoá por Dê

E boni por naturê (Mas que Belê!)"

 

"Em feverê (Em feverê)

Tem carná (Tem carná)

Eu tenho um fuca um vió

Sou flamen e tenho uma nêga chamá Terê

Do meu Brasil".

Anúncio - Interno Anúncio - Dentista
Comentários
Veja também