Coluna Italo

(44) 99941-8859
Anúncio - JARDIM VERSAILLES FRANÇOLIN
Anúncio - banner topo 2021
Anúncio - CAMPANHA NIVER 63 ANOS
Anúncio - Dia dos Pais 8 de Agosto
Anúncio - Casa Gomes banner lateral
Anúncio - banner mobile rodape
Anúncio - banner rodape
Anúncio - arte nova mobile
EXCELENTE NOTÍCIA:
Pozzobom cria o Bolsa Umuarama
É um auxílio emergencial para 2.392 famílias (7.572 pessoas) sem fonte de renda
Publicado em 16/06/2021 às 22:04 Italo
Pozzobom cria o Bolsa Umuarama

O prefeito Celso Pozzobom e o presidente da Câmara Municipal, vereador Fernando Galmassi, assinaram na manhã de ontem, quarta-feira (16), o projeto de lei que cria o Programa Bolsa Umuarama, um auxílio emergencial temporário que o município pretende oferecer para 2.392 famílias (que totalizam 7.572 pessoas) sem fonte de renda, atualmente, ou em situação de extrema vulnerabilidade, agravada pela pandemia de coronavírus.

O ato, realizado no gabinete do prefeito, reuniu também os vereadores Mateus Barreto, Ednei do Esporte e Pé Duro, além da secretária municipal de Assistência Social, Izamara Amado de Moura, da diretora da Assistência Social, Adnetra Vieira dos Prazeres Santana, e dos secretários de Gabinete e Gestão Integrada, Luiz Genésio Picoloto, e de Comunicação Social, Letícia Macedo D’Ávila Corrêa.

Izamara disse que o momento é muito especial, após um longo trabalho de estudos, discussões e planejamento. “Após um ano e seis meses de pandemia, as condições sociais de muitas famílias se agravaram. Por isso, diante dos recursos disponíveis e das informações que temos do CadÚnico e dos programas sociais, vamos atender aos casos mais extremos com esse auxílio graças aos esforços do prefeito Celso Pozzobom e de toda a equipe envolvida no projeto”, afirmou. “Contamos com o apoio dos vereadores para aprovação”, completou.

3 PARCELAS MENSAIS DE R$ 150,00

A previsão é que o benefício seja liberado no início do segundo semestre a essas famílias. Para isso, o prefeito prevê a necessidade de sessões extraordinárias da Câmara para avaliação do projeto. Caso seja aprovado sem alterações, o Projeto de Lei 027/2021 prevê três parcelas mensais de R$ 150,00 disponibilizadas através de um cartão para compras nos mercados e mercearias cadastradas, na sede e nos distritos. “Os beneficiários poderão comprar alimentos, material de limpeza, higiene pessoal e gás de cozinha. Bebidas e cigarro estão vetados”, lembra Pozzobom. O prefeito disse que o Bolsa Umuarama aumenta a extensão de outros auxílios emergenciais concedidos pelo Estado e pelo governo federal.

“Também temos distribuído os alimentos da merenda escolar para as famílias de alunos em situação de vulnerabilidade, cestas verdes através do Banco de Alimentos e também cestas básicas da assistência social. Com o auxílio emergencial aumentaremos ainda mais a quantidade de pessoas assistidas, nestes tempos de grande dificuldade por conta da pandemia”, reforçou.

A SAÚDE É A MAIOR PRIORIDADE

Pozzobom destacou que no momento a saúde é a maior prioridade da administração ao lado da Educação, que prepara a volta às aulas presenciais de forma escalonada, e também a assistência social. “Tiramos o pé do acelerador com as obras, estamos concentrando esforços no atendimento aos pacientes e concluindo reformas, ampliações em pinturas praticamente em todas as unidades escolares.

Temos projetos para implantar, no próximo ano, cinco ou seis escolas com tempo integral”, anunciou. O vereador Mateus Barreto disse que a necessidade de sessões extraordinárias se justifica, nesse caso, por conta da urgência do projeto e também do recesso parlamentar, que se aproxima. “Além desse, temos outros projetos importantes para serem votados que devem ser apresentados nos próximos dias”, comentou.

O Bolsa Umuarama foi lançado em 4 de maio deste ano, pelo prefeito Celso Pozzobom, estava sendo estruturado pela Secretaria de Assistência Social e finalmente pode ser votado pelos vereadores. Com a aprovação, o município vai licitar os cartões e disponibilizar os auxílios aos beneficiários, que terão uma grande rede de mercearias e supermercados cadastrados para realizar as compras.

WWW.COLUNAITALO.COM.BR

Comentários
Veja também