Coluna Italo

(44) 99941-8859
Anúncio - Ecogarden mobile
Anúncio - BANNER 1
Anúncio - banner mobile
Anúncio - Pilates mobile topo
Anúncio - banner mobile rodape
Anúncio - banner rodape
Anúncio - USE MASCARA MOBILE
VISITA ILUSTRE
Presidente da Funarte em Umuarama!
Pela primeira vez o N° 1 das artes brasileiras visita a cidade!
Publicado em 21/02/2020 às 17:44 Italo
Presidente da Funarte em Umuarama!

Pela primeira vez na história de Umuarama receberemos na manhã deste sábado a visita do comandante da entidade número 1 das artes no Brasil, a Funarte!

Dante Mantovani, presidente da Fundação Nacional de Arte, estará na Capital da Amizade para anunciar a viabilidade de realizar em nossa região o piloto do projeto Orquestras Sociais do Brasil. A informação foi passada em primeira mão ao Portal ITALO pelo maestro Samuel de Siqueira, diretor artístico e maestro titular da Ofinop - Orquestra Filarmônica do Noroeste Paranaense.

O ilustre visitante presidirá uma reunião no hall do Centro Cultural de Umuarama, a partir das 10:45 horas deste sábado (22), com a presença de autoridades, artistas e nomes de expressão da cultura regional.

PROGRAMA DE ORQUESTRA-ESCOLA EM TODO O BRASIL

A Funarte é um órgão ligado ao Ministério da Cidadania e responsável pelo desenvolvimento de políticas públicas de fomento a artes visuais, música, circo, dança e a teatro. Desde que assumiu a presidência, Mantovani decidiu que o foco para este ano será as cidades do interior do País e o incentivo a novos artistas.

E um dos projetos lançados é o Sistema Nacional de Orquestras Sociais, que pretende desenvolver um programa de orquestra-escola em todas as regiões do Brasil. A ideia é utilizar a música para ajudar a erradicar a violência, a pobreza e o analfabetismo.

“A orquestra é um polo educacional com mais de 500 anos de criação. Um plano de sucesso que se expandiu da Europa para todo o mundo. É um plano de cultura que dá certo no mundo inteiro. As crianças e os jovens em vulnerabilidade social, que entram na vida do crime e das drogas, ele entra porque não vê opção. Quando ele vê na música uma opção, ele segue esse caminho”, informou Mantovani.

O presidente da Funarte disse que o programa já está em funcionamento e que a meta é levar a iniciativa para o maior número de cidades possível. “Não sabemos se vamos chegar a todas as cidades do Brasil porque temos mais de 5 mil cidades. Essa é a nossa meta, mas como ponto de partida nós já temos oito pólos. Rio de Janeiro, São Paulo, com 36 cidades, o Vale do Jequitinhonha, a Região Metropolitana de Belo Horizonte, o Norte do Paraná, a Região Centro Oeste do Paraná e Santa Catarina” – frisou o presidente da Funarte.

DONO DE UM CURRÍCULO RIQUÍSSIMO!

Dante Mantovani é Maestro, Graduado em Música, Especialista em Filosofia Política e Jurídica, Mestre em Linguística (com a tese “Análise dos Processos de Construção Textual dos Ensaios de Michel de Montaigne, em 2008) pela Universidade Estadual de Londrina, e defendeu seu doutorado em Estudos da Linguagem pela mesma Universidade em 2013, com tese intitulada O Ensaio como Procedimento para Construção de Sentidos Textuais: Um Estudo Aproximativo entre o Discurso Verbal e o Discurso Musical, indicada ao prêmio de melhor tese acadêmica de 2013.

Nascido em 1984, iniciou seus estudos musicais na Orquestra de Sopros Lyra Maestro Roque Soares de Almeida, em Paraguaçu Paulista-SP, na qual atuou como trompetista (1997-2000). Estudou violão com Geraldo Arantes Ribeiro, Edelton Gloeden, Eduardo Meirinhos e Daniel Wolff; piano com Lucilena Correia, Jaílton Santana e Fernando Corvisier; regência coral com Lucy Schmit e Pablo Trindade (Uruguai) e regência orquestral com Daisuke Soga (Japão), Kirk Trevor (Inglaterra) e Francisco Navarro Lara (Espanha). É membro do CODA – College Orchestra Directors Association nos EUA, onde participou de master classes com os maestros norte-americanos Leonard Atherton , Charles Gambetta e David Effron, na cidade de Cincinatti, Ohio. (ITALO FÁBIO CASCIOLA)

WWW.COLUNAITALO.COM.BR

O maestro Samuel de Siqueira, diretor artístico e maestro titular da Ofinop - Orquestra Filarmônica do Noroeste Paranaense (na foto, primeiro à esquerda) com o presidente da Funarte Dante Mantovani durante reunião da Sociedade Brasileira de Arte, Cultura e Ensino (Sbace), em São Paulo.

Comentários
Veja também