Coluna Italo

(44) 99941-8859
Anúncio - JARDIM VERSAILLES FRANÇOLIN
Anúncio - banner topo 2021
Anúncio - Matriculas Abertas
Anúncio - CAMPANHA NIVER 63 ANOS
Anúncio - Casa Gomes banner lateral
Anúncio - banner mobile rodape
Anúncio - banner rodape
Anúncio - arte nova mobile
NA TRILHA DA HISTÓRIA
Da polêmica nasceu um feriado!
Antigamente Umuarama celebrava um feriado em dezembro...
Publicado em 14/08/2019 às 16:45 Italo
Da polêmica nasceu um feriado!

Até a década de 1990 este feriado municipal de 15 de agosto, celebrando Assunção de Nossa Senhora ao Céu, não existia no calendário de Umuarama. Até então a Igreja Católica tinha direito a quatro feriados por ano: a Sexta-Feira Santa e o Corpus Christi, feriados nacionais; e o terceiro feirado – esse é intocável - é o dia do padroeiro da cidade, São Francisco de Assis, em 4 de outubro. E o quarto feriado católico era comemorado no dia 8 de dezembro, celebrando o Dia da Imaculada Conceição.

FERIADO CAUSAVA POLÊMICA!

Pois é justamente esse dia 8 de dezembro que durante longo tempo causou tremendo mimimi na Capital da Amizade.

Vou contar em detalhes essa polêmica, já esquecida, mas que marcou época na memória de Umuarama. Como disse, o quarto feriado católico antigamente era comemorado no dia 8 de dezembro, celebrando o Dia da Imaculada Conceição.

Mas ele nunca foi aceito pelos comerciantes, que protestavam por ter que fechar as portas no auge das vendas de final de ano.  Natal, a época de faturar alto... e ter que fechar a loja ou qualquer outro tipo de comércio durante um dia inteiro era realmente de amargar para os comerciantes!

Vale lembrar que nos três primeiros anos do feriado em dezembro da Imaculada Conceição, a Associação Comercial e Industrial (ACIU) entrou na Justiça e conseguiu suspender o feriado através de liminar judicial. Mas em 1995, o juiz Roberto Portugal Bacellar negou liminar e manteve o feriado! E a questão continuou causando mal-estar entre a Igreja e o comércio. Foi a própria presidente da ACIU na época, Irene Dias Cardoso, quem pediu ao então bispo dom José Maria Maimone a mudança da data.

Dom José, muito atencioso e gentil, pessoalmente pediu à Câmara de Vereadores que alterasse a lei municipal que tratava dos feriados religiosos. E a nova data escolhida foi o 15 de agosto que não coincide com nenhum período de picos de vendas do comércio.

Depois de devidamente autorizado pelo Legislativo, o então prefeito Alexandre Ceranto assinou o decreto mudando o antigo feriado de dezembro pelo novo, este em agosto, um mês sem feriados... E assim a Paz voltou a na Capital da Amizade...

O incrível é que, depois de tanto tempo, até hoje muitos umuaramenses esquecem que o dia 15 de agosto é feriado municipal, celebrando a Assunção de Nossa Senhora ao Céu.

ASSUNÇÃO DA MÃE DE JESUS

Esta data celebra a assunção da Virgem Maria, mãe de Jesus Cristo, aos céus. De acordo com os relatos bíblicos, Maria teria morrido durante o sono em 15 de agosto do ano 43 d.C, e acordado quando já estava sendo levada para o céu pelos anjos de Deus.

(ITALO FÁBIO CASCIOLA)

WWW.COLUNAITALO.COM.BR

Comentários
Veja também