Coluna Italo

(44) 99941-8859
Anúncio - JARDIM COLORADO 2
Anúncio - BILINGUE SET A DEZEMBRO 2022
Anúncio - banner rodape
Anúncio - banner mobile rodape
Anúncio - Emporio mobile
IMERSÃO
Alunos do 9.º ano da Escola Adventista tiveram uma experiência de imersão em sala de aula
Compreender que podemos ter certeza da autenticidade do texto bíblico como o temos hoje
Publicado em 27/06/2023 às 19:07 Ítalo
Alunos do 9.º ano da Escola Adventista tiveram uma experiência de imersão em sala de aula

Cópia e transmissão da Bíblia

Uma das perguntas mais frequentes quando se trata de Ensino Religioso é: Como posso confiar que a Bíblia não foi adulterada ao longo da história? Para responder a essa pergunta, alunos do 9.º ano da Escola Adventista de Umuarama tiveram uma experiência de imersão em sala de aula.

Foi criado um ambiente que buscava ambientá-los em um mosteiro medieval – ambiente escuro, luz de velas, música característica. Ali o professor, vestido como monge, ensinou na prática como aconteciam os processos de cópia, recópia e tradução dos textos da Bíblia, apresentando também as dificuldades do processo, bem como a forma de lidar com a divergência das cópias.

Ao final, os alunos puderam entender melhor o importante papel dos copistas e da Igreja Católica na preservação da Bíblia e, assim, compreender que podemos ter certeza da autenticidade do texto bíblico como o temos hoje.

JÚRI SIMULADO

Com o objetivo de trabalhar de forma interdisciplinar os conteúdos de História (Reforma Protestante) e Ensino Religioso (Julgamento ao próximo), a Escola Adventista de Umuarama promoveu um júri simulado com os alunos dos 7.º anos do Ensino Fundamental.

Nesta atividade eles foram divididos entre defesa e acusação sobre um caso de possível omissão por parte do reformador Martinho Lutero em relação à morte de Miguel Servet, também reformador.

O objetivo era que os alunos se debruçassem sobre uma questão em que não há uma resposta pronta disponível e, assim, fossem estimulados a buscar várias fontes de informação, cruzar os dados disponíveis, argumentar e trabalhar em equipe. 

Após semanas de pesquisa e discussões em sala de aula, o momento tão esperado do júri chegou, trazendo a necessidade da comunicação, articulação dos argumentos e contra-argumentos e, claro, aquele nervosismo que é de se esperar.

Após diversas falas da defesa, da acusação e também de testemunhas, interpretadas pelos professores, o veredicto foi favorável à defesa. Mas, com certeza, todos ganharam muito em conhecimento e habilidades desenvolvidas.

WWW.COLUNAITALO.COM.BR

Anúncio - Instituto do Coração
Anúncio - banner lateral vinho novo
Anúncio - BILINGUE SET A DEZEMBRO 2022
Anúncio - banner lateral
Comentários
Veja também