Coluna Italo

(44) 99941-8859
Anúncio - Casa Gomes banner lateral
Anúncio - BANNER NOVO MOBILE SETEMBRO
Anúncio - banner topo 2021
Anúncio - JARDIM VERSAILLES FRANÇOLIN
Anúncio - banner mobile rodape
Anúncio - Sustentabilidade móbile
Anúncio - 2 dose completa mobile
Anúncio - banner rodape
Anúncio - arte nova mobile
SUANDO
Você sabe o que é Hiperidrose?
Doença atinge mais de 3% da população e tem tratamento simples
Publicado em 02/09/2019 às 10:24 Ítalo
Você sabe o que é Hiperidrose?

Rodelas de suor sob as axilas nunca foi sinônimo de elegância... mas, cá entre nós, é algo muito comum!

Suar faz parte do metabolismo humano e se torna inevitável em um país de calor tropical como o Brasil.

Entretanto, quando o suor se torna excessivo e não associado ao calor, pode ser Hiperidrose!

Hiperidrose é uma condição clínica onde a pessoa possui glândulas sudoríparas superativas, fazendo com que comece a suar de forma imprevisível. Essa doença se manifesta principalmente na palma das mãos, sola dos pés e axilas, mas pode ocorrer em todo o corpo.

Atingindo 3% da população, a hereditariedade é a principal explicação para a hiperidrose. Entretanto, ela pode se manifestar como sintoma de diversas outras doenças como Mal de Parkinson, Hipertireoidismo, Tuberculose, Menopausa e outras.

Como tratar a Hiperidrose?

O primeiro passo é procurar um médico ao perceber os sintomas. Somente um profissional da medicina pode afirmar um diagnóstico preciso.

A partir da identificação da doença, o médico vai recomendar o uso de medicamentos de uso oral ou tópico.

Em casos medianos, é recomendado o tratamento com toxina botulínica (botox), que vai inibir a atividade das glândulas sudoríparas. 

Recentemente, uma reportagem da Revista Veja anunciou que vários atores fazem uso da toxina botulínica nas axilas, mesmo sem serem pacientes de hiperidrose, apenas para fins estéticos.

Os profissionais da área calculam que o uso da técnica vem crescendo 30% ao ano. Cada seção pode custar até 2mil reais por axila.

Em casos severos de hiperidrose, é recomendada uma cirurgia de remoção das glândulas sudoríparas. Esse procedimento é oferecido até mesmo pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

WWW.COLUNAITALO.COM.BR

Comentários
Veja também