Coluna Italo

(44) 99941-8859
Anúncio - banner móbile
Anúncio - JARDIM VERSAILLES FRANÇOLIN
Anúncio - banner topo 2021
Anúncio - banner mobile rodape
Anúncio - banner rodape
CAMPANHA
Umuaramense brilha em SP: Ecologia
Projeto SP Cidade Verde objetiva plantar 1 milhão de árvores!!!
Publicado em 09/05/2017 às 00:00 Italo
Umuaramense brilha em SP: Ecologia

Sábado passado (06/05), com uma retumbante repercussão na grande imprensa aconteceu em São Paulo o lançamento do Projeto SP Cidade Verde, no Parque do Carmo. Trata-se de uma ação da Prefeitura da Cidade de São Paulo que tem por objetivo plantar 1 milhão de árvores até o final da gestão do prefeito João Dória, contando com o auxílio da iniciativa privada e outras associações.

Durante o evento, que começou bem cedo, às 7 horas da manhã, foi realizado um mutirão pela recuperação do Parque do Carmo em parceria com a comunidade local. A idéia dessa mobilização é deixar o legado de uma São Paulo mais verde para as futuras gerações! Até 2020, Sampa vai ganhar 600 mil novas árvores!!!

 

UM UMUARAMENSE À FRENTE DO PROJETO!

O detalhe importante para nós paranaenses, em particular os umuaramenses, é que à frente dessa realização está o empresário Sidney Oliveira, nascido aqui na Capital da Amizade.

Ele preside a Ultrafarma, a primeira empresa a participar do “SP Cidade Verde” é a Ultrafarma.

A iniciativa faz parte do programa “Faça Seu Bairro Lindo”, projeto de zeladoria que acontece em todas as 32 Prefeituras Regionais ao longo deste mês, uma parceria da Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente com a iniciativa privada para plantar 150 mil mudas em diversos parques urbanos e naturais, praças, ruas e clubes até o fim deste ano.

“Começamos emblematicamente pela Zona Leste, mas vamos também para Zona Norte, Sul e Oeste da cidade. Fazendo o bem e oferecendo uma paisagem bonita, mais verde e mais ambiental para nossa cidade”, disse o prefeito João Doria durante a solenidade de lançamento.

Inicialmente, a Prefeitura disponibilizará as mudas do programa, que serão retiradas do Viveiro Manequinho Lopes e depois repostas pela própria Ultrafarma e outras empresas parceiras.

O prefeito ressaltou a importância para a capital de parcerias com as empresas e se coloca à disposição de outros representantes da iniciativa privada que desejarem contribuir com a cidade.

O programa também irá incentivar que os cidadãos plantem árvores em seus quintais e fará outras ações educativas com o objetivo de estimular o plantio pela cidade.

 

PARQUE DO CARMO, UMA MARAVILHA!

O Parque do Carmo atende cerca de 1,4 milhão de visitantes a cada ano e tem um número insuficiente de funcionários para limpeza e manutenção, devido à redução de contratos promovida na gestão passada. “Enquanto não são firmados os novos contratos, já em processo de licitação, tem sido muito gratificante presenciar o empenho da população, de outros órgãos da Prefeitura e de empresas parceiras para que possamos recuperar este espaço tão importante ao paulistano”, ressaltou o secretário do Verde e do Meio Ambiente, Gilberto Natalini.

O Parque do Carmo é o segundo maior parque municipal de São Paulo. Ele é importante não só devido ao tamanho (2.388.930,00 m²), e sua estrutura, com áreas de lazer e de cultura, mas também por abrigar uma rica e diversificada flora e fauna, inclusive com espécies em extinção. Nas áreas de proteção ambiental (fechadas ao público), são realizadas pesquisas, visitas guiadas e soltura de animais silvestres recuperados.

Já nas áreas de visitação, a infraestrutura do Carmo oferece inúmeras opções, com atividades esportivas, culturais e de lazer. O espaço possui lagos, anfiteatro natural, aparelhos de ginástica, campos de futebol, ciclovia, pista de cooper, playgrounds, quiosques, churrasqueiras, gramado para piquenique, redários e um Bosque da Leitura.

Dentre os destaques estão o famoso Bosque das Cerejeiras e os monumentos à imigração japonesa. O Museu do Meio Ambiente é outro atrativo do Parque do Carmo, que também produz mudas, no espaço do Viveiro Arthur Etzel. Uma das atrações mais populares é o Planetário do Carmo Prof. Acácio Riberi, que mantém programação semanal para escolas e oferece sessões gratuitas ao público em geral, aos sábados, domingos e feriados.

A exuberante vegetação do Parque do Carmo é composta por eucaliptais, remanescentes da Mata Atlântica com mata ciliar, campos antrópicos, brejos, além de gramados, cafezal, pomar e cultivo de espécies arbustivas. Das 242 espécies registradas, nove estão ameaçadas, como a copaíba, o pau-brasil e as samambaiaçus. A fauna é igualmente rica, com 135 espécies – dos quais 10 são de répteis.

O bosque de cerejeiras-de-Okinawa é palco da já tradicional Festa das Cerejeiras, realizada há 25 anos para comemorar o florir da árvore símbolo do Japão. Os festejos marcam a presença da comunidade nipônica da região, que durante os festejos realiza a prática do “hanami”. O ritual consiste em sentar sob as cerejeiras e contemplá-las por um longo período. (www.colunaitalo.com.br)

O empresário Sidney Oliveira com o prefeito João Dória, no lançamento do Projeto SP Cidade Verde, no Parque do Carmo, cartão postal de São Paulo.

..................

CONFIRA OUTRAS IMAGENS DO EVENTO NESSE CENÁRIO ECOLÓGICO EM PLENO CENTRO DA CAPITAL PAULISTA.

.............................................................

Comentários
Veja também