Coluna Italo

(44) 99941-8859
Anúncio - Ecogarden mobile
Anúncio - NATAL
Anúncio - Matriculas Abertas
Anúncio - banner mobile
Anúncio - Porto Cobrinco
Anúncio - banner mobile rodape
Anúncio - banner rodape
GATOTERAPIA
Os gatos dão mais vida à nossa vida!
Amor felino: 5 benefícios de conviver com um ‘amicat’
Publicado em 09/04/2019 às 08:17 Italo
Os gatos dão mais vida à nossa vida!

Os gatos são animais incríveis. Leais, amorosos e cuidadosos, eles são grandes companheiros com os quais dividimos nossas vidas. Sua natureza independente e ao mesmo tempo carinhosa conquista nossos corações e nos faz desejar ter essa conexão sempre, porque nos faz mais felizes.

Em muitos sentidos, os comportamentos dos gatos são muito semelhantes aos nossos, e por isso o contato com eles é tão importante e pode nos ajudar a viver com mais saúde e alegria. Existem algumas terapias que incentivam o contato com os animais para a cura emocional, e uma delas é a gatoterapia, focada no contato mais íntimo com os felinos.

ENTENDENDO MELHOR A GATOTERAPIA

Gatoterapia é um tratamento para problemas emocionais e também mentais, como ansiedade, estresse e depressão. Consiste na convivência regular de uma pessoa com um ou mais gatos, aproximando humanos e felinos e melhorando a qualidade de vida dos seres humanos.

Os gatos são boas companhias para todos nós, mas na gatoterapia costumam ser mais indicados a idosos, pessoas que vivem sozinhas e que sofrem de condições de saúde. Abaixo mostramos alguns dos incríveis benefícios de ter um gato em sua vida.

5 BENEFÍCIOS DE TER UM GATO EM SUA VIDA

1. Pode ser muito eficaz contra o Alzheimer, autismo e TDAH

Segundo pesquisas realizadas com donos de felinos domésticos em diversas partes do mundo, sua companhia é altamente positiva proporcionando entretenimento, afastando a melancolia, a solidão, o nervosismo e até mesmo a tristeza. Trocar carinho, observar suas brincadeiras e até mesmo senti-los ronronar pode ser estimulante para muitos pacientes.

Um recente estudo da Universidade do Minnesota, EUA, analisou 4.000 pessoas e concluiu que aqueles que tinham gatos tinham 40 por cento menos riscos de sofrer um ataque cardíaco. Também há indícios que brincar ou ‘conversar’ com um gato ajuda a baixar a pressão arterial.

Além disso, é o único animal da Terra que emite um som vibratório, o “ronronar”, quando está em harmonia. Nesse momento ele está a sintonizar o seu campo energético com o da pessoa que está próxima, ou a neutralizar o seu próprio campo negativo, por isso é aconselhável pegar o gato no colo pelo menos uma vez por dia.

2. Ganhamos uma nova companhia

Gatos são excelentes companheiros! Ao mesmo tempo em que são muito carinhosos, também são independentes e sabem cuidar de si mesmos. Eles são criativos e divertidos, sempre encontram novas maneiras de nos encantar com suas atitudes e olhares. Se você cuidar bem do seu gatinho, ele ficará do seu lado por muito tempo.

3. Combate positivamente a depressão e o estresse

A companhia dos gatos e, em especial o seu ronronar, promovem uma sensação de relaxamento em nós, tranquilizando nossos corações e amenizando sentimentos negativos como estresse, ansiedade e depressão.

4. Ajuda a incentivar a responsabilidade nas crianças

Muitas vezes, acolhemos um animal em nossa casa pelos nossos filhos, e por mais que dê um pouco mais de trabalho, é uma oportunidade de estabelecermos responsabilidades para as crianças, seja ao alimentar, cuidar e educar os felinos, o que nem sempre é uma coisa fácil.

É importante conversamos bem com as crianças e explicarmos que o animal não é um brinquedo, mas sim um ser que precisa de cuidado, amor e respeito. Isso mesmo, respeito: os felinos não aceitam gestos ou atitudes com brutalidade, por isso as brincadeiras devem ser moderadas.

5. Os cuidados serão mais moderados

Especialmente por serem mais independentes do que a maioria dos animais domésticos, os gatos não precisam de tanto cuidados. São higiênicos e cuidam também de seus filhotes. A preocupação maior é mais com as vacinas, os cuidados preventivos e a boa alimentação. Se você fizer a sua parte pela saúde do seu gato, as coisas serão bem tranquilas. E você terá um amigão que dará mais vida à sua vida. Acredite nisso! Ou pergunte para quem tem algum bichano de estimação em casa! (ITALO FÁBIO CASCIOLA)

WWW.COLUNAITALO.COM.BR

FONTE: Pesquisa em portais de Medicina Felina

Comentários
Veja também