Coluna Italo

(44) 99941-8859
Anúncio - BANNER MOBILE
Anúncio - BILINGUE SET A DEZEMBRO 2022
Anúncio - JARDIM COLORADO 2
Anúncio - banner rodape
Anúncio - banner mobile rodape
Anúncio - Emporio mobile
VIVER BEM
CASA É A MORADIA PREFERIDA DOS UMUARAMENSES
Apenas 10,1% da população vive em apartamentos/prédios
Publicado em 26/02/2024 às 10:18 Italo
CASA É A MORADIA PREFERIDA DOS UMUARAMENSES

Dados detalhados sobre as características dos domicílios divulgados na sexta-feira (23) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam que 13,2% da população do Paraná reside atualmente em apartamentos. A porcentagem é quase o dobro da que foi registrada pelo Censo de 2010 no Estado, quando a proporção deste tipo de imóvel representava 7,1% do total, o que confirma o processo de verticalização das moradias, seguindo uma tendência nacional.

O Paraná ocupa a 9ª colocação entre os estados que possuem maior proporção da população residente em apartamentos. O ranking é liderado pelo Distrito Federal, com 34,2%, seguido pelo Rio de Janeiro (22,3%), Santa Catarina (21,8%) e São Paulo (20%). O índice estadual é levemente menor do que a média nacional, que é de 14,8%.

UMUARAMENSES PREFEREM AS RESIDÊNCIAS...

Em Umuarama a preferência do lugar para viver vai em sentido contrário da escolha dos paranaenses... Segundo a mesma pesquisa do IBGE, dos 44.244 domicílios existentes na Capital da Amizade, 87,3% são casas espalhadas pelo grande número de bairros e conjuntos habitacionais, enquanto que apenas 10,1% são apartamentos em prédios residenciais.

APARTAMENTOS LIDERAM NOS GRANDES CENTROS URBANOS

Segundo o analista do IBGE, Bruno Perez, o aumento expressivo de apartamentos no Brasil em relação ao último Censo reflete uma concentração da população nos grandes centros urbanos. “Essa verticalização é uma resposta ao adensamento da população dos municípios, principalmente nas áreas de região metropolitana e nos centros das cidades maiores”, afirma.

Em nível estadual, as cidades com maior concentração de pessoas morando em apartamentos são Curitiba, com 33,6% da população, Londrina (29,6%), Maringá (29,1%), São José dos Pinhais (23%) e Cascavel (21,4%). Dos 399 municípios paranaenses, 47 não possuem pessoas residindo em apartamentos.

Por outro lado, a porcentagem de pessoas que residem em casas no Paraná caiu nos últimos 12 anos, passando de 91,6% no Censo de 2010 para 84,3% no Censo de 2022. Apesar da queda, o Paraná permanece a ser o estado com mais pessoas que moram neste tipo de imóvel, à frente do Rio Grande do Sul, com 79,7%, e de Santa Catarina, com 77,2%.

De acordo com os critérios utilizados pelo IBGE, também são considerados na lista 2,3% de pessoas residentes em casas dentro de vilas ou condomínios fechados. Há ainda um residual de 0,09% de moradores vivendo em cômodos ou cortiços e de 0,02% em estruturas degradadas ou inacabadas, o que coloca o Paraná entre os estados com menor proporção deste tipo de domicílio no Brasil.

FONTE: IBGE

https://www.aen.pr.gov.br/sites/default/arquivos_restritos/files/documento/2024-02/caracteristicas_das_residencias_do_parana_-_censo_2022.pdf

WWW.COLUNAITALO.COM.BR

Anúncio - banner lateral vinho novo
Anúncio - BILINGUE SET A DEZEMBRO 2022
Anúncio - banner lateral
Anúncio - Instituto do Coração
Anúncio - banner lateral
Anúncio - banner lateral
Comentários
Veja também