Coluna Italo

(44) 99941-8859
Anúncio - Pilates mobile topo
Anúncio - banner mobile
Anúncio - Ecogarden mobile
Anúncio - Terrenos mobile, apts na planta
Anúncio - campanha nova mobile
Anúncio - banner móbile
Anúncio - banner mobile rodape
Anúncio - CAMPANHA FIQUE EM CASA
ASSISTAM O VIDEO:
A mensagem otimista da Rainha da Inglaterra: "Dias melhores virão"
Suas palavras na TV viralizaram na internet e o mundo parou para vê-la!
Publicado em 06/04/2020 às 08:46 Italo
A mensagem otimista da Rainha da Inglaterra: "Dias melhores virão"

A Rainha Elizabeth 2ª fez um pronunciamento televisivo histórico neste domingo (5) sobre o coronavírus. O pronunciamento real entrou no ar às 16 horas, no horário de Brasília (20 horas no Reino Unido).

No discurso, a Rainha destacou os desafios enfrentados pelo planeta neste momento e agradeceu aos profissionais de saúde, aos trabalhadores que permanecem em seus postos para atender os que precisam e às pessoas que estão ficando em casa, preservando a quarentena e ajudando a conter o vírus. A Rainha concluiu o pronunciamento com uma mensagem de otimismo, afirmando que "dias melhores virão".

"Temos de encontrar conforto sabendo que, embora ainda tenhamos que enfrentar muita coisa, dias melhores virão. Estaremos de novo com nossos amigos, com nossas famílias. Vamos nos encontrar de novo. Por agora, mando meu muito obrigada e melhores votos para todos vocês”, afirmou.

TEMPO DESAFIADOR

A Rainha começou o discurso mencionando a dificuldade que não apenas o Reino Unido, mas todo o planeta, estão enfrentando por causa do novo coronavírus. "Este é um tempo cada vez mais desafiador para nós, um tempo de perturbações no nosso país, que trouxe tristeza para alguns, dificuldades financeiras para muitos e enormes mudanças na vida diária de todos”, afirmou a Rainha.

“Quero agradecer a todos, os trabalhadores da linha de frente da saúde, os cuidadores, os profissionais que mantêm seus trabalhos fora de casa, para ajudar quem precisa. Tenho certeza de que a nação vai se juntar a mim e agradecer a esses trabalhadores também. Todo esse trabalho duro nos coloca mais perto de voltarmos a tempos mais normais. Também agradeço aos que estão em casa, ajudando a proteger os vulneráveis".

A Rainha destacou a importância da união neste momento de combate ao avanço da Covid-19, provocada pelo novo coronavírus. “Juntos estamos combatendo essa doença e quero assegurar a vocês que, se permanecerem unidos e confiantes, nós vamos conseguir superar isso. Espero que nos próximos anos, todos nós possamos ter orgulho da forma como respondemos a esse desafio. Que a gente possa dizer que os britânicos desta geração são tão fortes quanto o de qualquer outra que a precedeu”, afirmou ela.

"O orgulho de ser quem somos não é parte do nosso passado, ele define nosso presente e nosso futuro”. Falando de maneira sóbria, Elizabeth lembrou que o Reino Unido já enfrentou grandes dificuldades no passado e conseguiu superá-las, destacando a colaboração entre todos os países frente ao perigo global.

“Embora a gente já tenha enfrentado desafios difíceis, este é diferente. Desta vez, nós estamos unidos a todas as nações em todo o planeta em uma empreitada comum, usando os grandes avanços da ciência e a nossa compaixão instintiva para encontrar a cura", diz ela. "Teremos sucesso. E esse sucesso pertence a todos nós”.

APARIÇÃO HISTÓRICA

Avessa a badalações e ostentações das celebridades e dos políticos, a Rainha da Inglaterra não gosta de aparecer. Evita sair em público, não faz seu gênero ficar dando entrevistas e muito menos fazendo poses para fotógrafos da mídia.

Reservada e dedicada à família e aos seus compromissos de soberana de uma das nações mais poderosas do mundo, Elizabeth 2ª surpreendeu os ingleses e o mundo inteiro ao gravar este pronunciamento, de quatro minutos (ASSISTAM O VIDEO), onde transpira emoção e sinceridade autêntica, revelando que ela também está comovida com a dor que a Humanidade está vivendo neste momento.

Prova de que Elizabeth 2ª odeia ostentar poder e fama, basta lembrar que a última vez que ela havia ido à televisão para um pronunciamento foi em 2002, após a morte da rainha-mãe. (ITALO FÁBIO CASCIOLA)

FONTE: Com informações da mídia internacional

WWW.COLUNAITALO.COM.BR

Comentários
Veja também