Coluna Italo

(44) 99941-8859
Anúncio - BANNER PERSIANAS
Anúncio - Ecogarden mobile
Anúncio - banner mobile
Anúncio - mobile rodape
Anúncio - banner rodape
Anúncio - banner móbile
Anúncio - campanha nova mobile
UM DIA ESPECIAL
Umuarama homenageia pioneira Elvira Santos Moreira
Ela receberá o Título de Cidadã Honorária da Capital da Amizade
Publicado em 12/09/2019 às 16:09 Italo
Umuarama homenageia pioneira Elvira Santos Moreira

Nesta sexta-feira (13), Umuarama ganha oficialmente mais uma filha ilustre, ocasião em que a Câmara Municipal de Umuarama realiza a sessão solene de entrega de Título de Cidadã Honorária a Dona Elvira Santos Moreira, a ‘Dona Santinha do Cartório’, personalidade ilustre da sociedade local e que muito colaborou com Umuarama em diversos processos.

A titulação foi proposta e aprovada pelo Legislativo Municipal em 2013, mediante projeto apresentado pelo então vereador Valdecir Pascoal Mulato – Pai Herói. A solenidade tem início programado para as 20 horas e acontece no Plenário Germano Norberto Rudner - aberta à comunidade.

UMA LONGA E BELA HISTÓRIA!

Elvira Santos Moreira nasceu em Bandeirantes - PR, em 21 de outubro de 1931. Filha de Joaquim dos Santos e Elvira Santos dos Santos; Ele, imigrante português, vindo de Leiria, Portugal; Ela, mineira de Sete Lagoas, Minas Gerais.

Cresceu e fez seus primeiros estudos em Bandeirantes, onde cursou o Primário. Foi alfabetizada muito cedo, por sua Avó Materna Maria Jovelina dos Santos e Maria Izolita Santos Campos, Tia e Madrinha, ambas professoras, naquela cidade, no Grupo Escolar Manoel da Nóbrega, de 1938 a 1941. Era a mais velha de três irmãos. Perderam a mãe muito cedo.

Em 1942 foi para o Colégio Imaculada Conceição, em Jacarezinho, onde fez o preparatório para o Exame de Admissão do Ginásio. Cursou o Ginasial de 1943 a 1946, no Colégio Imaculada Conceição, em Jacarezinho.

Cursou o primeiro semestre da Escola Normal, ainda no Colégio Imaculada Conceição, em Jacarezinho no ano de 1947. Foi transferida para a Escola Normal Estadual de Jacarezinho no segundo semestre de 1947, onde terminou o Curso Normal em 5 de novembro de 1949, cuja formatura naquele ano foi antecipada para se comemorar o Aniversário de Rui Barbosa.

De 1948 a 1950, Cursou o Técnico – Comercial na Escola de Comércio “Dom FernandoTadei”, em Jacarezinho. Em 9 de novembro de 1949 foi nomeada Professora Primária por Decreto nº 8829 para a Escola de Aplicação, anexa à Escola Normal Estadual em Jacarezinho com a função de Regente de Classe, até março de 1956.

Em março de 1956 foi transferida para o Grupo Escolar “Cristo Rei”, em Curitiba, com a função de Bibliotecária, até fevereiro de 1960. Nesta época, conseguiu graças ao empenho do seu irmão Joaquim dos Santos Filho, uma Bolsa de Estudos para o Museu Nacional do Rio de Janeiro, onde fez um curso de Ciências Naturais.

Em fevereiro de 1960 uma nova transferência, desta vez para a Escola de Aplicação de Cambará, como Bibliotecária até 1962, onde morou com sua irmã Maria Tereza e seu cunhado Nilton Gomes de Oliveira (Caxambú).

Em março de 1960, foi professora Suplementarista das matérias Anatomia e Fisiologia Humana; Biologia Educacional; e Física e Química, na Escola Normal Secundária Colegial Estadual “Joaquim Nabuco” em Cambará, até fevereiro de 1962. De 1962 até fevereiro de 1965, admitida por Decreto Estadual à Escola Normal “Joaquim Nabuco” para exercer a função de Bibliotecária pelo Padrão Primário.

Casou-se em outubro de 1964 com Thelmo Galvão Moreira e voltou para Jacarezinho, onde residiu até julho de 1970. Lá nasceram suas três filhas: Rosana, Eliziana e Cristiana Santos Moreira. Em 1965, transferida para a Escola de Aplicação de Jacarezinho, até fevereiro de 1970, quando foi nomeada para exercer em Comissão, Símbolo 1-C, o cargo de Delegada Regional de Ensino, com jurisdição em várias Inspetorias da Região.

De 1966 até 1970, foi professora Suplementarista no Colégio Imaculada Conceição e Colégio Estadual Rui Barbosa em Jacarezinho nas disciplinas de Português e Francês. Em 1969, concluiu a Faculdade de Letras, na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Jacarezinho, sendo a graduação de Letras realizada nos idiomas Português e Francês.

Em 1970, já em Umuarama, passou a exercer a função de professora Suplementarista na Escola Normal Colégio Estadual Maria Montessori, de agosto deste ano até março de 1971. Em março de 1971, foi aprovada em concurso e nomeada por Decreto nº 22571 para lecionar na disciplina de Português na Escola Normal Colégio Estadual Maria Montessori.

Em 1972, assumiu o cargo de professora Suplementarista de Francês no Colégio Estadual de Umuarama. Entre os anos de 1973 e 1974, exerceu o cargo de Inspetora do Ensino Médio na Inspetoria Regional de Ensino, em Umuarama.

No ano de 1974, ainda na Inspetoria de Ensino, perdeu em dezembro sua irmã Maria Teresa, então Oficial do 1º Cartório de Protesto e Registro de Títulos e Documentos e de Pessoas Jurídicas, da Comarca de Umuarama. Em dezembro de 1975 presta Concurso Público para ocupar a vaga deixada pela irmã Maria Teresa no Cartório. Aprovada no concurso foi nomeada por Decreto Oficial nº 1481 do então Governador do Estado Jaime Canet Jr. e do Secretário da Justiça Túlio Vargas, em 6 de janeiro de 1976.

Ao aposentar-se do Magistério, depois de muitos anos de exercício, tomou posse como Agente Delegada da Serventia, em maio de 1976. Em 2004, ingressou na Graduação de Direito, na Universidade Paranaense – UNIPAR, e concluiu sua formação em 2008, tendo recebido homenagem da Universidade por ter sido a aluna de idade mais avançada do curso.

De 1976 até a data atual, continua exercendo o cargo de Tabeliã e Oficial do 1º Tabelionato de Protesto de Títulos e Registro de Títulos e Documentos e Civil de Pessoas Jurídicas, nesta comarca de Umuarama, onde na Serventia, muito bem acompanhada por bons e eficientes funcionários e sob a orientação da Juíza Corregedora, Dra. Márcia de Andrade Gomes, e observando sempre as Normas e Provimentos do Egrégio Tribunal de Justiça e da Corregedoria Geral do Estado do Paraná, cumpre o dever de atender, da melhor maneira possível, os Usuários do serviço do Tabelionato, em conjunto com sua equipe.

EDIÇÃO: Italo Fábio Casciola

WWW.COLUNAITALO.COM.BR

A pioneira Elvira Santos Moreira recebe nesta sexta a mais importante honraria da Capital da Amizade, o Título de Cidadã Honorária de Umuarama!

Anúncio - Dentista
Comentários
Veja também