Coluna Italo

(44) 99941-8859
Anúncio - 61 ANOS MOBILE
Anúncio - Ecogarden mobile
Anúncio - Ponta de Estoque
Anúncio - banner mobile
Anúncio - campanha meses 07-08 e 09
Anúncio - Nigth Run Agosto
Anúncio - campanha nova mobile
Anúncio - banner rodape
Anúncio - campanha meses 07-08 e 09
O BRASIL MUDOU!
Governo federal vai cortar 70% na gastança em propaganda
Quer também eliminar bônus das agências de propaganda (saiba o que é)
Publicado em 23/01/2019 às 13:35 Italo
Governo federal vai cortar 70% na gastança em propaganda

O Palácio do Planalto quer cortar até 70% do total gasto com propaganda direta do governo federal. Atualmente, três agências atendem à Secretaria de Comunicação: NBS, Calia e Artplan, que venceram a concorrência de 2017 e teriam contrato válido por cinco anos, até o fim de 2021, com a possibilidade de a contratação ser renovada ou não a cada ano. A verba para este ano é de R$ 150 milhões.

A mudança está sendo discutida em conjunto pelo ministro Carlos Alberto Santos Cruz, da Secretaria de Governo, pelo chefe da Secom, Floriano Barbosa, e por um ator externo ao Planalto: Carlos Bolsonaro, o filho do presidente Jair Bolsonaro, que, mesmo sem estar nomeado, cuida à distância da comunicação do governo.

Carlos foi um dos que mais pressão fizeram para que a medida prosperasse.

ELIMINAR BÔNUS DAS AGÊNCIAS DE PROPAGANDA

O Planalto ainda não decidiu como eliminar os Bônus de Volume (BVs), conforme anúncio feito por Jair Bolsonaro no começo do governo.

Segundo a regra corrente, quanto mais publicidade uma agência destina a um veículo em determinado período de tempo, maior será o BV pago por este veículo à agência.

FINTE: Revista Época

WWW,COLUNAITALO.COM.BR

Anúncio - Dentista
Comentários
Veja também